ÁGUIA – Consultoria Hoteleira Especializada

Dificuldades são para Profissionais

Administração e Conservação de enxovais.

Vida útil de enxovais:

É a administração, (gerência) operacional dos hotéis que controla entradas e saídas de enxovais que compõem os ambientes do empreendimento.

A maioria dos fornecedores deste tipo de enxoval, orienta, os hotéis quanto à boa conduta para um melhor aproveitamento e maior duração das peças. Profissionais como camareiras e lavandeiras precisam conhecer o sistema de gerenciamento desta operação, pois a colaboração delas ajuda muito no manejo final.

As trocas são realizadas de acordo com as necessidades dos hotéis, que estão atreladas à rotatividade de cada unidade.

Cuidados
A boa conservação depende de alguns fatores essenciais como conhecimento do tecido trabalhado.

O tipo linho, por exemplo, suporta 200 lavagens,
O algodão 250,
O misto chega a 350 higienizações.

Sabendo até quanto estes produtos resistem, pode-se mensurar sua vida útil. Por isso é importante ter em mente a conduta do hotel, em relação a esta movimentação.

O processo de limpeza:

começa no manuseio correto,
higienização,
Secagem,
Passar e posterior descanso do tecido,

um fator importante de ser observado. Depois de realizadas as três etapas, lavagem, secagem e passadoria, é preciso que a roupa descanse entre 24 e 48 horas para recomposição da fibra.

Para um melhor custo/ benefício, as redes hoteleiras devem manter um estoque adequado às suas exigências.

Dicas de especialistas
A Döhler, especializada em enxovais para hotéis, produz desde o fio até o produto acabado e oferece suporte adequado para sua utilização. Eles dispõem de técnico químico que acompanha de perto o cliente.

Alguns estabelecimento hoteleiros preferem também a parceria com empresas especializadas, terceirizando o serviço. Para quem gosta de cuidar de seu patrimônio, precisa levar em conta a qualidade da água assim como o tipo de detergente ou produto que usa para lavagem, isto normalmente as fábricas teem os técnicos químicos que apresentam as recomendações.

A Teka desenvolve produtos para enxovais de linha profissional.

Para maior durabilidade, os itens para hotéis são fabricados com as seguintes características:

As peças recebem corantes específicos que resistem a diversas lavagens e ao uso de detergentes mais agressivos ou produtos clorados.
Os artigos brancos são tratados com alvejantes ópticos selecionados, visando a suportar  estas condições de lavagem.
As toalhas de banho apresentam ligamento crepe, que se caracteriza por felpas mais presas à estrutura do tecido, reduzindo a probabilidade de fios puxados.
Estas toalhas também usam em sua estrutura base fios compostos de fibras de algodão e poliéster que garante maior resistência e reduz o encolhimento.

A Teka dá algumas dicas de como manter o enxoval em boa conservação para uso a longo prazo:

Armazenar as peças sempre em lugares limpos, secos e bem ventilados. Isto inibe a formação de fungos e mau cheiro.
Na lavanderia, separar as peças por:
Tipo de fibra (peças 100% algodão devem ser lavadas separadas das peças com mistura de algodão e poliéster)
Tipo de artigo (lavar toalhas de banho separadas de roupões e de roupas de cama, por exemplo)
Cor (lavar as peças brancas separadas das cores claras e principalmente das escuras)
Grau de sujidade (roupas mais sujas tendem a sujar peças mais limpas)
Para evitar amarrotamento, não deixar as peças de molho e lavar em temperaturas mais brandas principalmente em artigos de algodão ou poliéster.
Problemas de manchas, amarelamento e enfraquecimento são reduzidos quase que totalmente com um processo de lavagem bem balanceado.

05/07/2009 Posted by | Administração Hoteleira, Aguia | | Comentários desativados em Administração e Conservação de enxovais.